Fui Enrabada na Frente do Meu Pai

olá meu nome é hellen tenho 1,78 de altura, sou morena, cabelos longos e liso , bumbum grande, sou uma mulher atraente .

essa história se passou a 6 anos atrás, na época estava com 18 anos de idade .seu Clóvis era amigo do meu pai e tinha seus 40 anos de idade,

cabelos grisalhos quase da minha altura ele era por volta dos 1,78 também , corpo normal praticava exercícios fisicos E era um galinha de primeira linha .

Fui Enrabada na Frente do Meu Pai

o meu pai tinha sofrido uma acidente nessa época, o que rendeu muitas visitas DE parentes e amigos , o seu Clóvis eu ja o conhecia mais so dava oi e pronto ,nada mais , até em então nunca tinha reparado alguma maldade . ele chegou na minha casa no finalzinho da tarde nos comprimentamos como de costume E ele foi la falar com pai . eu estava bem a Vontade afinal estava em casa de pijaminha curto , logo em seguida ele chegou na cozinha onde eu estava tomou água pediu pra ir ao banheiro , dessa vez ele passou por mim e me olhou da cabeça aos pés, juro que pensei que ele fosse fazer algo quando passou por mim . na volta eu estava de costas para ele encostada na pia da louça , quando ele chega perto do meu ouvido e fez um “Buuuuuh ” me assustei muito na hora pois não tínhamos essa liberdade toda, ele com suas mãos grandes foi pegando na minha cintura enquanto me falava

-calma menina não sou nenhum Bixo não

eu me arrepiei toda nessa hora ai ele sussurou ” mas se quiser posso pegar vc “.apertou minha mão E piscou o olho ,

fiquei sem ação nenhuma , pra disfarçar perguntei se ele queria algo , falou que queria água , nisso me virei e ele pode ter a visão do meu bumbum grande sobre aquele short minúsculo ,eu gagejava me tremia toda aquela altura , estava pegando a água quando senti suas mãos apertando minha bunda me veio outro arrepio e ali começou a safadeza pra valer .

-ta ficando gostosinha demais em ?

-rsrsrs

perguntou se ainda era virgem ,falei que não dai ele pirou

-faz tempo que quero fazer uma loucura contigo mas tenho medo.

pediu pra ficar comigo mas fiquei com pé atrás afinal eu era amiga da sua filha , e esposa .falei pra ele que iria pensar no caso , ele todo afoito me pediu ao menos um beijo ,me aproximei do seu rosto E nossos lábios se encontraram , enquanto isso ia me apertatando contra seu pau que estava duro como pedra , ela ia me beijando e suas mãos rápidas já subiam por dentro da minha blusa ,chegando aos meus seios que nessa altura ja estavam com bico durinhos , ele foi descendo ,agora querendo chegar com as mãos na minha buceta so que impedi ele parei o beijo E mandei ele ir para a sala , estávamos na cozinha de casa e alguém podia aparecer .

fui fazer o jantar enquanto seu Clóvis voltou ao quarto do meu pai , confesso que me perdia em pensamentos nessa hora imaginando ele me fudendo de todas as formas possíveis .meu pai não quis comer estava um pouco ruim por conta dos remédios ,estavam na sala e ele mandou o seu Clóvis la pra cozinha onde eu estava ,mal sabia ele oque tinha acabdo de acontecer la dentro entre nós dois .

Ai eu já tinha comido fui lavar umas louças que estava na pia ele veio por o prato e me agarrou por trás, começou a beijar meu pescoço enfiou a mão no meu cabelo não sei como, mas quando dei por mim ele já estava passando a mão na minha buceta e pegado com a outra no meu peito .. nós nos beijando foi quando ele começou a me masturba meteu logo dois dedos dentro da minha buceta , e ficou metendo forte foi quando meu pai me chamou lá vai eu toda sem jeito kkk.

Eu fui atender pai por que tinha que ir dá o remedio dele, que eu não sei o que tinha nesse remédio pois pai ficou com muito sono ,Aí eu fui pra sala e como só tinha um sofá sentei do lado do cara, passado algumas horas meu pai acabou pegando no sono e ficamos sozinhos na sala assistindo ,eu percebi que ele estava nervoso aí eu perguntei se ele tava bem, ele me falou que queria fazer uma loucura Eu ignorei ,eu o disse pra ele abaixar o fogo… na sequencia Só senti ele por a mão na minha perna, alisando devagar entre minhas coxas vi que a calça dele tava um volume muito grande nisso ,chamei ele pra outra sala pra caso pai acordasse dava tempo eu disfarçava correndo pra o meu quarto, que ficava de frente o dele ,mas ele não quis ir e disse que era melhor parar e marca pra me ver outro dia… Eu disse ta ok . ficamos mais alguns minutos em silencio , eu falei fica de olho aberto caso meu pai acordar aí você avisa e agente para, me ajoelhei na frente dele abri o zíper coloquei seu pau pra fora , era médio meio moreno da cabeça grande, e estava bem babado quando saltou pra fora eu comecei a chupa lo ele Ele ficou louco, começou falar baixo “puta que pariu” vou gozar desse jeito, tesão do carai , e eu chupando ele com muita vontade labendo a cabeça, depois descia colocando ele todo na boca quase que como um garganta profunda, ele era bem grosso então hora ou outra me engasagava com ele na boca , Não sei como pai não acordou , ainda hoje tento acha explicação mas acho que por que ele caiu de moto, por que bebeu ainda tava no efeito da bebida e misturou o remedio .Parei de chupar ele olhei nos olhos e falei me fode, ele logo se ajeitou eu fui por cima coloquei a calcinha de lado e comecei rebolando devagar pra não fazer barulho, cavalgando lento e rebolando gostoso , ele levantou minha blusa ficou chupando meu peito e apertando minha bunda, daí ele pediu pra eu fica de ladinho no sofá por que queria comer meu cu , eu fui e obedeci ele , foi pincelando a cabeça do pau dele na portinha do meu cuzinho e foi colocando devagar aí foi metendendo e aumentando o ritmo , me lembro que no meio disso ele falou no meu ouvido e falou se teu pai sonha que o amigo tá enrabando a filha dele ele me mata .Aí teve uma Hora que ele meteu dois dedos na minha buceta e ficou metendo enquanto me enrabava eu pirei , aí mordi o travesseiro pra não gemer alto , e ele ficava falando que eu era putinha profissional, que queria me comer para sempre, e eu feito vadia mesmo rebolando no pau dele, foi quando ele não aguentou mais e gozou gozou muito no meu cuzinho . Mas também foi só fez agente termina pai acordou ,ainda tava escorrendo porra de dentro , aí ele foi e falou que ia embora ficou tapiando pra pai não perceber que a calça dele ficou melada, aí eu fui no banheiro me limpei e voltei sem calcinha, Só sei que levei ele na porta aí não dava pra meu pai escutar , dessa vez eu voltei e falei pra pai que ia ficar na calçada com uma amiga tudo mentira ,Chegando na área tudo escuro ele disse que queria me provar, me sentou na cadeira, abriu minhas pernas e começou me chupar … Me chupava e metia o dedo no meu cuzinho , eu pirava com ele Foi aí que gozei nele , me pôs de 4 no chão e meteu muito ,com força daí mandei ele sentar na cadeira e sentei de costas pra ele comecei rebolar no pau dele, ele apertava minha bunda ,mordia minhas costas ,puxava meu cabelo , me lembro que ele me chamava de putinha gulosa , Aí ele falou que iria gozar eu me ajoelhei na frente dele e comecei chupar e punhenta ele , até ele gozar na minha boca ,ele gozou e eu bebi tudo ele olhou para eu e falou q eu era boa menina .